Segunda, 16 de julho de 2018
51985292179
Giro Policial

11/04/2018 ás 14h47

Moises Pacheco

Gravataí / RS

Delegados da PF do Paraná pedem transferência de Lula para unidade militar
.
Delegados da PF do Paraná pedem transferência de Lula para unidade militar

O SinDPF-PR (Sindicato dos Delegados de Polícia Federal do Estado do Paraná) comunicou nesta 4ª feira (11.abr.2018) que pediu a transferência imediata do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva das dependências da Superintendência Regional da Polícia Federal em Curitiba, onde está preso desde 7 de abril.


O motivo seria a interferência causada pela presença do ex-presidente nas atividades rotineiras da sede regional da PF, que inclui a emissão de passaportes, certidões de antecedentes criminais da Polícia Federal e atendimentos ao público em questões relacionadas a produtos químicos, segurança privada e armas.


A sugestão dos delegados é que o petista fique detido em uma unidade das Forças Armadas, que teria a estrutura “à altura dos riscos envolvidos “.


Ao contrário do sindicato dos delegados, a organização que representa os agentes da Polícia Federal prefere que Lula continue preso na Superintendência Regional da Polícia Federal. A Fenapef (Federação Nacional dos Policiais Federais) alega que o deslocamento resulta em custos extras e aumenta a possibilidade de confrontos. Eis a íntegra da nota:


“Luís Antônio Boudens, presidente da Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef), classifica a possibilidade de transferência do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva da carceragem da PF em Curitiba para uma repartição militar, como um “movimento apressado e sem respaldo dos policiais federais”. Segundo Boudens, cada deslocamento gera custos para os cofres públicos e uma enorme demanda de pessoal, além de aumentar a possibilidade de confrontos e situações de embate entre grupos de apoiadores e de contrários ao ex-presidente.”

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium